Os trabalhos das câmaras temáticas do 16º Fórum de Governadores da Amazônia Legal começaram por volta das 9h desta quinta-feira (26) em Rio Branco, capital que sedia pela primeira vez o evento. As reuniões sobre Meio Ambiente, Comunicação, Segurança, Turismo e Consórcio são fechadas e ocorrem no Resort Hotel Amazônia Rio.

As câmaras são formadas por secretários das pastas dos estados que compõem o bloco – Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Maranhão. Cada grupo de gestores define pontos que vão integrar a Carta de Rio Branco, documento final com diretrizes que visam o desenvolvimento sustentável da região amazônica.

Nesta edição do fórum, a câmara de Segurança Pública recebe secretários de quase todos os estados brasileiros. A amplitude do debate se dá devido ao Encontro de Governadores do Brasil pela Segurança e Controle das Fronteiras – Narcotráfico, uma Emergência Nacional, que ocorre na sexta-feira (27).

A leitura dos pontos definidos pelos secretários em cada câmara temática deve ocorrer por volta das 17h45. A carta final deve ser assinada pelos governadores às 18h e lida em seguida.

“O fórum foi instituído como uma forma de todos os governadores atuarem de maneira conjunta em prol do desenvolvimento da região. É um evento que possibilita a troca de experiências e, principalmente, de soluções”, afirmou a secretária de Comunicação, Andréa Zílio, no início das atividades.